Perfomance: Atletas Guga Kuerten

Perfomance: Atletas Guga Kuerten

Recentemente, a Aktion paz separou uma semana inteira para um atendimento diferenciado e especial. Um encontro com os atletas do time Guga Kuerten, uma equipe de tenistas que estamos desenvolvendo um trabalhando importante de valências dentro e fora da quadra. No texto a seguir, Alison paz, diretor técnico da Aktion paz explica como é feito esse atendimento, acompanhe.  

O objetivo é individualizar o atendimento para esses tenistas. O projeto e visão do Guga Kuerten é apoiar e preparar novos tenista de alto rendimento. Já se passaram vinte anos desde o trabalho que ele desenvolveu e conquistou como atleta, depois não tivemos nenhum tenista próximo ou atingindo o mesmo nível. 

A ideia com esse trabalho diferenciado e individualizado é entender por que isso acontece. O que está sendo feito em termos de trabalho de base? O que deixamos de fazer? Será que a gente só deu atenção para esse atleta quando ele já tinha se desenvolvido e não trabalhamos valências e o desenvolvimento quando crianças de 13, 14, 15, 16 anos? Época onde ocorre uma transição muito importante, principalmente no tênis, onde o garoto deixa de ser um atleta juvenil e passa a competir com atletas 4 ou 5 anos mais velhos e mais experientes, forçando-o a uma condição melhor.

Então, o que estamos desenvolvendo com esses atletas, principalmente durante essa semana, é aproximar o trabalho na quadra; a parte técnica e também fora dela. Inclusive, o Guga esteve presente, dando toques e sugestões que são importantes para a evolução dos atletas do time Guga Kuerten. 

Entre três ou quatro meses, voltamos a nos reunir e reavaliamos os testes funcionais e biomecânicos, analisando como está a mobilidade, o desenvolvimento de força, quais os padrões, quais são as cadeias musculares que foram afetadas e em cima disso, levamos para a quadra. Através de análises e vídeos, facilitamos aos treinadores o entendimento de qual é a limitação, ou seja, possibilitamos aos treinadores entender o que é preciso desenvolver, qual valência; força, mobilidade, potência. 

Uma parceria que temos orgulho e já está sendo realizada há mais de um ano. A ideia é continuar o atendimento e afinar esse trabalho junto com os atletas, treinadores, comissão, coordenadores e com o próprio Guga, que é o idealizador da ideia. 

Hoje, o projeto contempla atletas entre 15 e 18 anos, mas no futuro a ideia é atuar com mais jovens, para que cheguem nessa fase mais desenvolvidos e preparados. 

Um trabalho completo e semelhante ao que já desenvolvemos com o skate e nasceu com o Pedro, Murilo, Yndiara, Isadora, entre outros nomes do nosso time de atletas.  

Por Alison Paz

Diretor Técnico da Aktion paz. Especialista em Fisioterapia Esportiva e Osteopatia. FT da seleção Brasileira de Skate CBSK (COB) e membro da SONAFE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top